Presos recebem comida imprópria para humanos e ficam doentes no ES

NOTÍCIA ORIGINALMENTE PUBLICADA POR: GAZETA ONLINE Uma série de fiscalizações em presídios do Espírito Santo revelou que detentos receberam alimentos proibidos para o consumo humano e acabaram infectados por doenças. A constatação está em um relatório da Gerência de Controle, Monitoramento e Avaliação de Gestão Penitenciária, datado de 6 de julho deste ano, e encaminhadoContinuar lendo “Presos recebem comida imprópria para humanos e ficam doentes no ES”

A seletividade penal e a elaboração das leis

A seletividade penal é sem dúvidas um dos temas mais importantes e emblemáticos do direito penal, pois trata de questões relacionadas muitas vezes com preconceitos e escancara a face cruel do Estado. Nesse sentido, importante destacar que a seletividade penal, segundo ensinamentos da criminologia, possui dois principais momentos de atuação: o primeiro na elaboração dasContinuar lendo “A seletividade penal e a elaboração das leis”

Preso custa 5 vezes mais que aluno de escola pública da rede estadual

Ao mês, gasto é de R$ 1.750 com detento e R$ 375 com estudante. Um detento do sistema prisional do Espírito Santo custa quase cinco vezes mais que um aluno de escola pública da rede estadual. Enquanto, em média, são gastos R$ 1.750 com um preso por mês, cada estudante de meio período custa R$Continuar lendo “Preso custa 5 vezes mais que aluno de escola pública da rede estadual”

O caos no Espírito Santo e a comprovação de que precisamos evoluir muito (e você pode ajudar)

Como muitos devem ter percebido, o Espírito Santo (o Brasil, o Mundo) vive um grande problema. A Polícia Militar entrou em greve (sim, a PM está de GREVE), sem nenhum homem na rua e isso já dura quase uma semana. Apesar de ser proibido o movimento grevista dos policiais militares, ante a militarização da polícia, arrumaramContinuar lendo “O caos no Espírito Santo e a comprovação de que precisamos evoluir muito (e você pode ajudar)”

Não podemos exigir o cumprimento das normas

Uns dias atrás eu vi uma postagem no Facebook que falava sobre a nossa impossibilidade de exigir de certas pessoas o cumprimento das (nossas) normas. Desde então, não consigo mais parar de pensar nela. Esse post era composto de uma foto (abaixo), atribuída a Rubén González, e os seguintes dizeres: “Meninos de rua tentando se aquecer nosContinuar lendo “Não podemos exigir o cumprimento das normas”