Quem agride “bandido” também é “bandido” (#TBT)

Publicado originalmente em Pedro Magalhães Ganem:
Cada vez mais vemos por aí situações em que aqueles intitulados “cidadãos de bem” capturam pessoas suspeitas de praticar crimes e passam a agredi-las. A justificativa é que a sociedade está cansada da insegurança e da injustiça e, por isso, aqueles que a integram passam a agir com…

Os perigos dos discursos armamentistas

A “liberação” da posse e/ou do porte de arma de fogo é um dos assuntos mais debatidos na atualidade e existem alguns perigos nos discursos (pro) armamentista que, na minha visão, precisam ser abordados. Já falei sobre a posse e o porte de arma de fogo em outros textos, tanto com relação a minha opiniãoContinuar lendo “Os perigos dos discursos armamentistas”

Quem agride “bandido” também é “bandido”

Cada vez mais vemos por aí situações em que aqueles intitulados “cidadãos de bem” capturam pessoas suspeitas de praticar crimes e passam a agredi-las. A justificativa é que a sociedade está cansada da insegurança e da injustiça e, por isso, aqueles que a integram passam a agir com as próprias mãos, agredindo aqueles que elesContinuar lendo “Quem agride “bandido” também é “bandido””

Da série: quem é o bandido? – parte 2

“Qual é a cara do ladrão? Quem é que vai saber Será o moleque de calção Ou o engravatado no poder” Gostou do post? Curta! Basta clicar na estrela que está abaixo do post. Comente também! Mesmo se não gostou ou não concordou. Para atingir um resultado maior e melhor, o assunto deve ser debatidoContinuar lendo “Da série: quem é o bandido? – parte 2”